Política de Cookies

Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, registo e recolha de dados estatísticos.
Ao prosseguir a navegação com cookies ativos está a consentir a sua utilização.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pela SPGM.Saiba mais

Compreendi
SPGMSPGM

Minimização Efeitos da Seca 2017 - Alimentação animal

Solicite uma garantia
Reforço de tesouraria para minimização dos efeitos da seca do ano 2017, nomeadamente dos custos decorrentes da alimentação animal.
Minimização Efeitos da Seca 2017 - Alimentação animal

Objetivo

Reforço de tesouraria para minimização dos efeitos da seca do ano 2017, nomeadamente dos custos decorrentes da alimentação animal. 

A quem se destina

Micro, Pequena e Médias Empresas (MPME), localizadas em território continental, que desenvolvam atividade nas CAE 01410, 01420, 01430, 01450, 01460, 01491 e 01500 (rev.3).

No caso particular dos ENI sem contabilidade organizada, estes poderão ser elegíveis na linha desde que a sua atividade esteja devidamente legalizada ao abrigo dos regulamentos nacionais em vigor.

Para que serve

Operações destinadas a apoiar necessidades de tesouraria decorrentes da situação de seca extrema ou severa em Portugal continental, nomeadamente para apoio aos custos associados à alimentação animal. 
Montante de Envolvimento Máximo por Empresa na SGM
Montante individual de crédito e de auxílio
Garantia Mútua
Prazo das Operações
Período de Carência
Amortização de Capital
Bonificação da Comissão de Garantia
Operações Elegíveis
Linha de Crédito Garantida para minimização dos efeitos da Seca 2017 – Alimentação Animal
Montante de Envolvimento Máximo por Empresa na SGM€ 750.000 (respeitando os limites máximos de envolvimento na SGM por empresa ou grupo de empresas).
Montante individual de crédito e de auxílioO montante individual de crédito garantido a conceder no âmbito da medida de apoio à tesouraria é fixado nos seguintes termos:

a. € 180,00, por fêmea da espécie bovina, registada no Sistema Nacional de Informação e Registo Animal (SNIRA) em nome do requerente, à data da candidatura, com idade superior a 24 meses;

b. € 180,00, por fêmea da espécie, equina e asinina, registada na DGAV e comunicada ao IFAP, em nome do requerente, à data da candidatura, com idade superior a 24 meses;

c. € 40,00, por fêmea da espécie ovina e caprina, registada no Sistema Nacional de Informação e Registo Animal (SNIRA) em nome do requerente, à data da candidatura, com idade superior a 12 meses;

d. € 120,00, por fêmea reprodutora da espécie suína, em regime extensivo, constante da declaração de existência válida à data da candidatura;

e. € 5,00, por colmeia, de acordo com declaração do IFAP;

f. O montante do apoio a atribuir, correspondente ao valor da parte contragarantida por recursos públicos e aos dos custos decorrentes das comissões de garantia, não pode exceder por beneficiário os limites fixados no nº 2 do artigo 5º da Portaria nº 330-A/2017, de 31 de outubro.
Garantia MútuaAté 70% do capital em dívida em cada momento.
Prazo das OperaçõesAté 2 anos, após a contratação da operação.
Período de CarênciaAté 12 meses de carência de capital após a contratação da operação.
Amortização de CapitalPrestações constantes, iguais e anuais, vencendo-se a primeira amortização no final do primeiro ano após data de contratação e a segunda amortização no final do segundo ano.
Bonificação da Comissão de GarantiaIntegralmente Bonificada pelo IFAP.
Operações ElegíveisPodem ser financiadas as operações aprovadas destinadas a apoiar necessidades de tesouraria.
Para mais informações sobre esta Linha de Crédito, ou outras soluções de financiamento que temos disponíveis para si, contacte-nos.
A presente informação tem natureza publicitária e não dispensa a consulta de informação pré-contratual e contratual legalmente exigida, não constituindo uma proposta contratual.
Contratação sujeita a aprovação prévia das entidades envolvidas e sujeita às condições definidas em função do perfil de risco para cada operação.