Política de Cookies

Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, registo e recolha de dados estatísticos.
Ao prosseguir a navegação com cookies ativos está a consentir a sua utilização.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pela SPGM.Saiba mais

Compreendi
Sessão Garantia Mútua SPGM Turismo de Portugal
SPGM Garantia Mútua Linha Indústria 4.0 / Apoio à Digitalização
Empresas Brexit Financiamento SPGM Garantia Mútua Crédito
SPGMSPGM

Notícias

Garantia Mútua: 25 Anos a Apoiar as Empresas Portuguesas

2019-06-28
25 anos Garantia Mútua

SPGM – Sociedade de Investimento promoveu no passado dia 17 de junho, no Porto, a sessão "Garantia Mútua: 25 Anos a Apoiar as Empresas Portuguesas”, onde participaram mais de 100 ilustres convidados, que desempenham papéis de relevo no ecossistema empresarial nacional.

Lançado em 1994, com a constituição da SPGM – Sociedade de Investimento, o Sistema Português de Garantia Mútua celebra este ano 25 anos de existência que são sinónimo de apoio às empresas portuguesas.

Na abertura da sessão, Beatriz Freitas, Presidente da SPGM, reforçou "o papel fundamental que o Sistema Português de Garantia Mútua representa na economia nacional, sobretudo junto das empresas, ao facilitar e otimizar o acesso a financiamento em condições muito competitivas e de forma célere”, acrescentando que "é este de facto o nosso papel nos últimos 25 anos, criar as condições para que todas as empresas possam ter acesso a financiamento e com isso investir em novos produtos, novos mercados, novas tecnologias, em suma, tudo o que contribua e permita às empresas crescer de forma sustentável”.

Esse papel fundamental teve um particular destaque na sessão com a apresentação dos resultados do Estudo de Impacto Económico, "Garantia Mútua em Portugal: Adicionalidade Económica e Financeira no período 2011-2016”, que foi realizado pelo Centro de Estudos de Gestão e Economia Aplicada da Católica Porto Business School.

Durante a sessão foi ainda apresentado pelo Presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo,um novo instrumento de financiamento para as empresas do setor do turismo: "Obrigações Turismo 2019”. Este novo instrumento permitirá às empresas do Turismo o acesso a capitais por um período alargado, em condições atrativas, e contribuirá para a diversificação das suas fontes de financiamento. É a primeira vez que é lançado um empréstimo obrigacionista acessível a um conjunto alargado de PME em Portugal, que será colocado junto de investidores institucionais, nacionais e internacionais.

A operação será dinamizada pela Sociedade Portuguesa de Garantia Mútua e pelo Turismo de Portugal, e será avaliada por uma agência de rating internacional.

Para o Ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, que encerrou a sessão "este é mais um instrumento que colocamos ao dispor da economia, que se soma aos mais de 4 mil milhões de euros disponibilizados às empresas ao longo desta legislatura. É também o reflexo da melhor articulação entre as diferentes instituições financeiras do Ministério da Economia, que está na origem da criação do conselho de coordenação das instituições de financiamento à economia".

A sessão contou ainda com a presença de Saila Valtonen, Assessora da Comissão Europeia, que falou sobre o programa InvestEU (2021-2027), nomeadamente, os instrumentos de apoio ao investimento das PME no próximo QFP (Quadro financeiro plurianual) para 2021‐2027, demonstrando que o financiamento às empresas não é um desígnio exclusivamente nacional e existem hoje canais e fontes de financiamento às empresas, em particular às PME, que extravasam fronteiras.

Desde a sua criação, em 1994, a SPGM, e as Sociedades de Garantia Mútua – Agrogarante, Garval, Lisgarante e Norgarante -, já emitiram mais de 260 mil garantias junto das PME nacionais, com um valor global de mais de 15 mil milhões de euros.

São 25 anos de Garantia, 25 anos a Multiplicar valor que fazem da Garantia Mútua, um instrumento fundamental para a economia nacional, com o compromisso de manter, aprofundar e alargar os serviços e instrumentos em prol das empresas, para os próximos 25 anos.

Ver todas as noticias